...É PRECISO TER ASAS,PARA SE AMAR O ABISMO...

domingo, 26 de outubro de 2008

O POEMA DA 'MENTE'



Há um primeiro-ministro que mente,
Mente de corpo e alma, completa/mente.
E mente de maneira tão pungente
Que a gente acha que ele, mente sincera/mente,
Mas que mente, sobretudo, impune/mente...
Indecente/mente.
E mente tão nacional/mente,
Que acha que mentindo história afora,
Nos vai enganar eterna/mente.

4 Comentários:

Blogger Vício disse...

sincera/mente acho que está muito bem conseguido!
e a foto tb

26 de outubro de 2008 16:05  
Blogger Menino do Coro disse...

Está contundente, mas elaborado primorosa/mente.
Mas achava-o mais adequado como post "ferroada/mente"
rsrsrsrs
Abraço

26 de outubro de 2008 18:45  
Blogger O Profeta disse...

Pois eu fico menente por este ministro não ser corrido finalmente...



Doce beijo

27 de outubro de 2008 04:42  
Blogger Pedro Barata disse...

Gostei deste teu espaço. Passarei por aqui mais vezes.

Se quiseres visitar-me também:
www.aquelebagacinho.blogspot.com

Saudações

27 de outubro de 2008 10:41  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

<

Powered by Blogger

Assinar
Postagens [Atom]